domingo, 25 de janeiro de 2009

Esfriamento Espiritual


Essa é a imagem de um templo destruido por armas de guerra humana, porém o devemos permanecer na palavra, para que não sejamos vítimas do esfriamento espiritual, que causará sem dúvidas desastres maiores em nossa vida espiritual.
Temos visto uma crescente onda de esfriamento espiritual que entra no meio da igreja, isso já foi predito pelo Senhor Jesus que disse há milenios atrás, "Por se multiplicar a iniquidade o amor de muitos esfriará", essa iniquidade é claro não provém de Deus, póis Deus é perfeito, ele é santo, puro; essa iniquidade vem devido ao homem dar lugar às tervas, o diabo sabe que tem pouco tempo, e por isso investe pesado para que as pessoas desviem de Deus é evidente, que a Biblia diz " o amor de muitos" e não de "todos", portanto querido (a) leitor (a) você não está fadado a que seu amor esfrie, pois Deus mesmo não que que isso aconteça! você pode e deve se esforçar pois o Reino dos Céus desde os dias de João Batista é tomado pelo esforço, leia a Biblia estude ela medite, sobre tudo pratique ela pois devemos para evitar que essa onda demoniaca contamine você, Deus quer te usar poderosamente, você nesses dias maus pode ser uma referência para a sua geração assim como foi Noé, para o mundo prédiluviano, você pode nestes dias de esfriamento ser uma tocha viva, que através do fogo do Espírito Santo, tocar fogo
por onde quer que você passar!
Estes são os últimos dias, dias dos quais Jesus perguntou: "Quando o Filho do Homem vier achará fé na terra?", Ele quer nestes dias que você tenha a fé somente nele, pois é somente ele que pode dar o que que tú desejas e através do evangelho de Jesus levar grande multidão como a areia da praia aos céus.

imagem:uminuto.blogspot.com

domingo, 11 de janeiro de 2009

Conflito no Oriente Médio



Tenho ouvido muitas histórias sobre essa guerra, algumas as vezes chamam à atenção, alguns dizem que os palestinos são todos terroristas, outros que Israel deve ser varrido do mapa.
Quero de antemão dizer algumas das minhas convicções:
Sou totalmente CONTRA a GUERRA! pois é uma vergonha o que acontece morre inocentes, os estragos são grandes, na infraestrutura, epidemias, fome, violencia sexual e etc,
Tenho certeza que é uma situação complexa tudo isso, pois é algo que vem desde séculos acontecendo na chamada Terra Santa um verdadeiro banho de sangue. inclusive aquela Terra foi marcada pelo derramamento do sangue de Jesus há 2000 anos.
Não sou de nenhum lado, sou à Favor da Paz.
Acho interessante que as pessoas que declaram guerra à outras nações, elas mesmas não vão para a guerra, muito menos para a linha de frente. Desculpem a expressão popular mas, quando o seu país perde eles fojem como cachorro com o rabinho entre as pernas, e pedem asilo político em outros países, e pra eles quem morreu, morreu.
Violência só gera violência, esse ditado é verdadeiro. Então devemos ver as condições para que tenahos a paz.
Sejamos coerentes, Os palestinos precisam ter uma pátria, estou plenamente crente disso, existe um sentimento nacionalista muito forte naquele povo, e como a Bíblia diz: "Andarão dois juntos se não estiverem de acordo" (Amós 3:3)
É bem verdade que alguém dirá: "Mas aquela terra Deus deu aos filhos de Israel". E é verdade, Deus o Senhor Do Universo deu a Israel a Terra de Canaã, essa mesma terra que chamamos de Palestina aos filhos de Israel, mas é verdade que Israel desde o inicio se misturou com os moradores daquela mesma terra e você pode ver isso nos primeiros capítulos do livro de Juízes.
Hoje é muito complicado a situação e apenas o Evangelho de Jesus Cristo poderia resolver aquela situação.

Defendo a criação de um Estado Palestino Independente.
Eles querem ter representatividade na ONU, e eu nem sei porque a ONU ainda não deu essa representatividade á eles, pois a FIFA que é quem comanda o futebol no mundo deu aquele povo o direito de ter uma seleção nacional para representar seu país em eliminatórias de Copas do Mundo, competições Continentais, e até de Clubes.
Eles querem ter o direito a serem reconhecidos como livres!

Mas eu também tenho certeza que Jerusalém, é a capital indivisível do Estado de Israel, Jerusalém não pertence a Estado Árabe nenhum, e nem mesmo a ONU, Ela foi fundada por Davi, o maior rei de Israel, depois de Cristo é claro, é pelo seu contexto histórico e religioso que ela tem essa importância toda, é por tradução a cidade da paz, o referência de três religiões monoteístas, o Islã, o Cristianismo e principalmente para o Judaísmo.
Embora para os muçulmanos Meca tenha um valor grandioso pois todo o muçulmano deve ir pelo menos uma vez na vida a Meca, e para o catolicismo a capital seja Roma, para protestantes e Judaísmo é sim Jerusalém! e para eles ela tem um valor sem igual, pois para muitos protestantes, a capital religiosa para eles seja a sede mundial de sua denominação, para o Judaísmo Jerusalém não tem substituta. Eles almejam com toda sua alma o momento de reconstruirem o Santo Templo, o problema é que se supõe que ele era localizado no mesmo lugar onde hoje se encontra a Mesquita de Omar.
Jerusalém é sim a capital de Israel, e deve ser devolvida integralmente a Israel, e deve ser criado um Estado Palestino Independente.

imagem: www1.folha.uol.com.br