sexta-feira, 3 de junho de 2011

2º Protesto Evangélico em Brasilia



O Pr. Silas Malafaia entregou pessoalmente um abaixo-assinado com mais de 1 milhão de assinaturas ao Presidente do Senado Federal, Senador José Sarney, contra o (relatório) do Projeto de Lei 122/2006 em tramitação na Comissão de Direitos Humanos do Senado.

Os evangélicos, desafiados pelo Pastor, foram a Brasília protestar pacificamente contra o Projeto que pretende criar a "mordaça gay" e contra o "kit gay" patrocinado pelo Ministério da Educação a mando do Ministro Fernando Haddad, que só não o distribuiu para 6.000 escolas porque levou um pito da Presidente Dilma, que disse assim: "O governo não vai patrocinar divulgação de opção sexual nas escolas."

William Bonner, âncora do Jornal Nacional, disse que os evangélicos fizeram um GRANDE protesto em Brasília.



Mais de 20 mil cristãos realizaram um grande protesto na tarde de hoje, na frente do Congresso em Brasília. O Pastor Silas Malafaia está falando agora , 20:40 h, no Jornal Nacional da Rede Globo sobre o perigo das alterações pretendidas na Constituição e no Código Civil. Elas são inconstitucionias pois tiram a o direito da liberdade de expressão de muitos para favorecer poucos. Ao final das manifetações o Pr. Silas foi recebido pelo Presidente do Senado Federal, Senador José Sarney, e entregou um abaixo assinado, com mais de 1 milhão de assinaturas, contra a aprovação do PL 122 (do jeito que está) e contra o kit gay.

Depois de ter liderado este segundo protesto em Brasília, o Pastor Silas Malafaia deu voz a cerca de 40 milhões de evangélicos na grande mídia. Mostrou coragem, e deu a cara para bater. Desde o episódio da porta quebrada em uma Igreja Batista em Goiás, a mando de um juiz, que o Pastor Silas tem declarado que Deus o chamou para ser uma voz profética, para protestar contra a discriminação e ofensas ao pensamento do povo evangélico.

Quando o Pr. Silas erra, sou um dos primeiros a criticar, mas quando ela chama a si o foco da sociedade para protestar contra um Projeto que vai cercear o direito de liberdade de expressão, não só evangélica, mas de todos - declarando entre outras coisas que o texto do PL 122 é "um lixo" e desconhecido da sociedade - eu também sou um dos primeiros a reconhecer sua coragem e liderança.

Até há pouco éramos um grande rebanho sem voz. Estava cansado de ver pastores - grandes líderes de Igrejas - sem a coragem para dizer em um programa de TV o que os crentes pensam de verdade. Não gosto ouvir apenas sermões que nos contem longas histórias da Bíblia. Aprecio, e me alegro ao ver um Pastor brandindo seu "cajado" com coragem para livrar o rebanho dos "lobos" e a nação do facismo.

E como sempre acreditei, não é preciso ser um representante político para exercer pressões políticas. Isto já foi provado por Gandhi e Martin Luther King, jr e agora por Silas Malafaia. Deus abençoe.


Se você tirou fotos, quer publicar e divulgar seu nome: cruzue@gmail.com
fonte: olharcristao.blogspot.com

Nenhum comentário: